Edição do dia
Qua, 11/01/2017 | Atualizado em: 11/01/2017 às 05h01

Leões cheios de confiança

Edmilson Ferreira
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Aos poucos, a Toca do Leão vai ganhando novos habitantes e, ontem, dois deles falaram do prazer em jogar no Vitória pela primeira vez. E mais: estão confiantes de que em 2017 ajudarão o clube a conquistar títulos. Quem sabe o inédito nacional?

"Estou muito feliz e realizado, querendo marcar o meu nome na história do clube. Por onde eu passei, Deus tem me honrado com títulos importantes e no Vitória não vai ser diferente", afirmou o volante Uillian Correia, que fez todos sorrirem ao contar a história de seu registro.

"Eu sou de 1989 e , no cartório que meu pai foi me registar não poderia utilizar a letra "W". Aí sugeriram com "U". Depois de um mês, dois meses, essa lei terminou. Meu pai queria matar o cara do cartório. Hoje para mudar, advogado, essas coisas. Então É Uillian brasileiro, diferenciado", explicou.

Há muito tempo no exterior, o lateral-direito Leandro Salino também quer fazer história no rubro-negro baiano. "Tive muito tempo fora, cinco anos em Portugal e três na Grécia. Agradeço a confiança de todos, estou muito feliz e quando recebi o convite não pensei duas vezes, pois venho para o maior clube do Norte-Nordeste. Mas não me sinto pressionado e venho para somar, ajudar o Vitória a conquistar títulos. Vim com a ideia de ser campeão, ajudar o clube a ser bi [estadual], ser campeão de outros campeonatos, brigar lá em cima e buscar uma Libertadores, porque não?", disse.

Liberado para viajar a Porto Alegre, o zagueiro Fred não participou das atividades de ontem, no CT do Barradão .