Tá Quente!

Qua, 07/11/2018 às 16h58 | Atualizado em: 07/11/2018 às 16h59


Tá Quente!

Segura! Moro promete ações enérgicas

Nana Matos
A+ A-
Sérgio Moro - AFP / Heuler Andrey
Sérgio Moro
AFP / Heuler Andrey

A TARDE SP

Futuro ministro da Justiça e Segurança Pública no governo de Jair Bolsonaro, o juiz Sergio Moro afirmou ontem, em coletiva na sede da Justiça Federal, que pretende levar o modelo da Lava Jato para as ações no ministério.

Em resposta a questionamentos da imprensa, Moro disse que pretende trazer para o ministério técnicas utilizadas durante a operação para o combate contra o crime organizado e anticorrupção no Brasil e terá uma "agenda forte" neste sentido.

"O objetivo é no governo federal realizar o que não foi feito, com todo respeito, nos últimos anos e buscar implantar uma forte agenda anticorrupção e aqui eu agregaria, porque é uma ameaça nacional, uma forte agenda também anticrime organizado", disse.Ele também foi questionado sobre a divulgação do depoimento de Antônio Palocci e afirmou que a prática está dentro da legalidade, assim como o histórico da Lava Jato, que sempre divulgou informações.