Plantão

Qui, 10/01/2019 | Atualizado em: 10/01/2019 às 05h02


Plantão

Dois taxistas levam a pior em tiroteio

Catarina Alcântara*
A+ A-

Os taxistas Osmario Rodrigues da Silva, 67 anos, e Marco Antônio Santos Lima, 55, foram baleados durante uma troca de tiros entre policiais militares do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto), da 40ª CIPM (Nordeste de Amaralina), e um grupo com cerca de oito suspeitos, na tarde da terça (8), na localidade do Areal, no Nordeste.

Osmário foi baleado no peito do lado esquerdo, quando chegava em casa, e Marco foi atingido na coxa direita, enquanto pintava a grade de sua residência. Os dois foram levados ao Hospital Geral do Estado por populares e passaram por cirurgia. Até ontem à tarde, eles seguiam internados no HGE.

Segundo Ademilton Paim, presidente da Associação Geral dos Taxistas (AGT), os taxistas passaram por cirurgia e permanecem em observação. "O disparo perfurou um dos rins, o motorista [Osmário] foi submetido a uma cirurgia de urgência e encontra-se internado na semi-intensiva. Marco teve o fêmur perfurado, realizou os procedimentos de enxerto e encontra-se estável em observação na enfermaria", contou Paim.

* Sob a supervisão da editora Kenna Martins