Te Contei?

Seg, 11/02/2019 | Atualizado em: 11/02/2019 às 12h11


Te Contei?

Arte que Transforma Jovem é indicada a atriz revelação

Jefferson domingos
A+ A-

Em busca de combater a timidez, uma estudante de Itinga, em Lauro de Freitas (Região Metropolitana de Salvador), aceitou o convite para fazer parte do grupo de teatro da Base Comunitária de Segurança (BCS) do bairro. Natálie Souza, hoje com 17 anos, nem imaginava que essa decisão mudaria os rumos de sua vida.

A jovem foi indicada ao Prêmio Braskem de Teatro, na categoria atriz revelação, com o espetáculo 'A Rede: Memórias Compartilhadas'. Agora, planeja seguir carreira.

"A arte transformou a minha vida. Antes de entrar no projeto, eu pensava em ser professora, como a minha mãe. Mas, agora, pretendo concluir o terceiro ano [ensino médio] e entrar na faculdade de artes cênicas", disse a garota, que tem o sonho de ser uma "atriz reconhecida".

Com liberdade para improvisar, Natálie fez sucesso interpretando Liberty, que precisou superar um drama pela perda dos pais muito cedo. "Me identifiquei com a personagem pela força de vontade dela para se superar". explicou.

O convite para a jovem participar do projeto foi feito pelo do soldado Luide Prins, formado em artes cênicas e que ministra aulas de teatro gratuitas, com o projeto 'Vidas em Cena,' para jovens de Itinga. "Quando Natálie percebeu o talento que tem, ela começou a focar mais. É inteligentíssima e uma super profissional", disse.

Já o capitão Hugo Marcel, comandante da BCS Itinga, falou que é uma honra para a base contar com uma jovem como Natálie, que evoluiu e até encontrou um caminho profissional. "Nosso desejo não é só semear o bem, mas, sim, cultivá-lo", declarou o capitão, que prometeu dobrar o número de participantes do programa de 20 para 40, englobando crianças a partir de cinco anos e idosos – atualmente, é formado por adolescentes.

Segundo o capitão Bruno Reis, porta-voz da PM, projetos de inclusão como o 'Vidas em Cenas' ocorrem em todos as 18 BCS do estado. "Temos projetos de dança, música, esportes... Sempre explorando qualidade de algum PM, que empresta um pouco de sua habilidade, como o soldado Prins", explicou.