Plantão

Ter, 16/04/2019 | Atualizado em: 16/04/2019 às 05h00


Plantão

Servidor cometeu estupros em série

Da Redação
A+ A-
O servidor da Câmara Municipal de Maceió (AL) foi preso ontem, na capital alagoana - Heliana Gonçalves/TV Gazeta/Reprodução
O servidor da Câmara Municipal de Maceió (AL) foi preso ontem, na capital alagoana
Heliana Gonçalves/TV Gazeta/Reprodução

 

O servidor da Câmara Municipal de Maceió (AL) Benício Vieira de Lima, de 46 anos, foi preso ontem, na capital alagoana, sob suspeita de cometer estupros em série contra crianças e adolescentes.

De acordo com a Polícia Civil de Alagoas, as vítimas têm idades que variam entre 11 e 18 anos. Conforme os registros da polícia, os crimes atribuídos a Benício vinham sendo praticados desde 2015.

Ainda segundo a Polícia Civil, nove vítimas já fizeram o reconhecimento do suspeito e mais dez casos estão sob investigação. Peritos do Instituto de Criminalística realizaram perícia no escritório utilizado por Benício para a prática dos crimes sexuais.

O modo de agir do estuprador era abordar as vítimas com a versão de que a filha estava numa igreja e não sabia como chegar ao local. Conforme a polícia, ele insistia e até mesmo chorava para enganar a vítima, que se compadecia e entrava no carro. As que negavam, ele mostrava uma arma. A Câmara de Maceió confirmou a demissão imediata de Benício.