Plantão

Qua, 12/06/2019 | Atualizado em: 12/06/2019 às 13h34


Plantão

Pintor que matou jovem no Carnaval é condenado

jEFFERSON dOMINGOS
A+ A-

O pintor Edson Rodrigues dos Santos, 28 anos, que confessou ter agredido e matado o estudante de engenharia mecânica Kaíque Moreira Abreu, 22, em 2018, foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado. O julgamento começou na manhã de ontem, no Fórum Ruy Barbosa, e terminou por volta das 16h30. Cinco testemunhas foram intimadas, mas uma não compareceu. O crime foi cometido no bairro da Graça, após a vítima sair de um dos circuitos do Carnaval de Salvador.

Durante o interrogatório, Edson manteve a versão de que tinha brigado antes e descontou a raiva no jovem por impulso, mas sem querer matá-lo.

Familiares de Kaíque, com a exceção da mãe, compareceram ao julgamento. "Ela estava, emocionalmente, sem condições de vir", disse o tio da vítima, Igor Aquino, que afirmou que o resultado do julgamento trará alívio para os parentes. "O sofrimento é diário. Do dia do óbito até hoje. A sentença não diminui isso, mas o sentimento de justiça prevalece, pois a justiça, de fato, foi feita para nós, e também para a toda a Bahia, pois é um elemento perigoso a menos na rua", declarou.

O MASSA! solicitou mais detalhes sobre a condenação de Edson, mas o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) informou que o teor da decisão só será divulgado hoje, quando o resultado será publicado no Diário Oficial.

Edson será levado para o Complexo Penitenciário de Salvador, mas o TJ-BA também não detalhou quando será encaminhado para a penitenciária.