Plantão

Qui, 29/08/2019 | Atualizado em: 29/08/2019 às 04h04


Plantão

Balaços Festinha vira cenário de assassinato

Nicolas Melo
A+ A-

Três homens armados invadiram uma festa de aniversário e mataram o representante de uma cooperativa de transportes em Simões Filho. Luciano da Costa Barreto, 48 anos, levou, ao menos, dez tiros. O crime foi cometido no final da tarde de terça-feira (27), dentro de um espaço de eventos, no bairro Tiro Seguro, na altura do Km 30.

A vítima, que também era conhecida como Lúcio, ainda tentou fugir dos suspeitos, mas eles invadiram a festa, de uma amiga de Luciano, e o assassinaram com tiros – sendo a maioria na cabeça. Um morador contou que na segunda (26) de manhã, Lúcio teria comentado que não queria ir à festa, mas que amigos passaram e o 'arrastaram'.

"Ele estava aqui na frente quando eles passaram chamando ele diversas vezes", falou o homem, que não quis revelar o nome com medo de que o caso esteja ligado a algum tipo de crime.

A notícia da morte chegou de surpresa para muita gente da rua onde morava, no José Bonifácio, nas imediações do Conjunto Habitacional CIA II. Luciano era porta-voz da Cooperativa de Transporte Alternativo de Lauro de Freitas, Cações e Simões Filho (Cotalfca). "Ele era um homem bom, trabalhador. Nunca esteve envolvido em nenhum tipo de crime. Muito pelo contrário, ele ajudou muita gente aqui na região. Ajudou muita gente a crescer. Deu emprego. Eu não entendo o porquê que fizeram isso com ele", lamentou o cunhado da vítima, que não quis se identificar.