Plantão

Seg, 02/09/2019 | Atualizado em: 02/09/2019 às 04h05


Plantão

Confusão PM é baleado por colega de farda

Nicolas melo
A+ A-

Uma confusão por causa do som alto de um carro deixou dois homem baleados, entre eles um PM, na noite do último sábado (31), dentro do Condomínio Doutor Rodrigo Horácio da Costa, nas imediações do final de linha de Campinas de Brotas.

De acordo com a Polícia Militar, a guarnição da 26ª Companhia Independente da PM (Brotas) foi até o local, por volta das 21h, para atender uma ocorrência "de perturbação do sossego e obstrução do acesso" da rua Optaciano da Silva Oliveira. No caso, Máximo Vinícius dos Santos, 39 anos, teria desacatado um dos militares e se negado a desligar o som e também de liberar a via.

Segundo a polícia, outras pessoas se envolveram na situação e investiram contra o policial desacatado e tentaram tomar a arma de fogo dele. "Na ação, um PM fez disparo, atingindo um indivíduo e o outro militar", disse a corporação.

O militar Luiz Flaviano Brito Gomes, 49, foi socorrido na viatura para o Hospital Geral do Estado. Já Máximo, socorrido por dois amigos em seu próprio carro, deu entrada no Hospital Jorge Valente. O estado de saúde dos dois feridos é estável.

A reportagem tentou localizar a administração do condomínio, mas ninguém foi achado. A Polícia Civil disse que "a 6ª DT vai investigar a possível existência de crime de lesão corporal contra um soldado da Polícia Militar e um homem, após serem atingidos por disparos de arma de fogo".