Esporte

Qui, 26/09/2019 | Atualizado em: 26/09/2019 às 07h31


Esporte

Pontas afiados na Fonte Nova

Jefferson Domingos
A+ A-

Com a velocidade e o oportunismo de seus pontas Élber e Artur, o Bahia conquistou um importante triunfo por 2 a 0, ontem, contra o Botafogo, na Arena Fonte Nova. O resultado fez o Tricolor encostar no grupo dos seis primeiros colocados, que conquistam uma vaga para a Libertadores, ao subir para o sétimo lugar, com 34 pontos. No entanto, o Esquadrão pode ser ultrapassado hoje pelo Grêmio, que enfrenta o Avaí.

No início do jogo, o Bahia tentou se 'apoderar' do campo de ataque, mas foi o Botafogo que assustou primeiro. Aos 12 minutos, Diego Souza deu um bolão em profundidade para Victor Rangel na cara do gol. O goleiro Douglas saiu da área e tocou na bola, que sobrou para Lucas Campos. O atacante finalizou bem por cobertura. A sorte foi que Juninho, em cima da linha, salvou. Foi o mais próximo que o Glorioso chegou de fazer o gol.

A partir daí, só deu Bahia. Moisés cruzou rasteiro da esquerda, a bola passou por Gilberto e sobrou para Artur apenas empurrar a pelota: 1 a 0.

Em desvantagem no placar, o Fogão se lançou à frente para tentar o empate, mas deixou espaços na defesa para o veloz Élber. O camisa 7 puxou um contra-ataque em velocidade e, quando estava perto do gol, caiu na entrada da área, em disputa com Gilson. O juiz viu falta e deu cartão vermelho direto para o lateral, deixando o Fogão com um a menos aos 32 minutos do primeiro tempo. Na cobrança da falta, Gilberto quase ampliou o placar.

Ainda no primeiro tempo, o Esquadrão reclamou de um pênalti depois que Nino caiu na área, após choque com Lucas Barros. O juiz revisou por meio do VAR e mandou o jogo seguir.

Com um a mais, o Bahia iniciou o segundo tempo com uma postura ofensiva e dominou o jogo. Aos 16 minutos, Gilberto perdeu chance clara. Mas o segundo gol saiu em seguida. Élber aproveitou assistência do parceiro Artur para balançar a rede.