Nas Ruas

Ter, 19/11/2019 | Atualizado em: 19/11/2019 às 04h06


Nas Ruas

Prevenção Busca por vacina lota postos de Salvador

Bruno Brito*
A+ A-

Com o abastecimento de 7,5 mil doses da vacina pentavalente, a procura nos postos de vacinação foi intensa na manhã de ontem. Por outro lado, o início da campanha de vacinação contra o sarampo foi de baixa procura.

A pentavalente está sendo ofertada em 26 unidades da rede municipal e deve ser administrada em três doses, para crianças de 2, 4 e 6 meses de idade. Com um número disponível abaixo da rotina mensal, que é de 12 mil doses, a quantidade chega para suprir a falta de vacinas.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) diz que a falta foi gerada pelo desabastecimento nacional, após reprovação do controle de qualidade por parte da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dos lotes do imunobiólogico, o que impediu a distribuição das doses por parte do Ministério da Saúde. "Logo que recebemos a vacina, disparamos para as unidades para que tivessemos um controle do estoque e que a população encontrasse nos postos", contou Doiane Lemos, subcoordenadora de Doenças Imunopreveníveis.

Não é possível estimar quantos dias vão durar as doses e quantas virão na próxima remessa. Renata Barbosa, 31, levou o pequeno Samuel, de 2 meses, para tomar a vacina pentavalente no Multicentro Dr. Adriano Pondé, em Amaralina. Ela relatou que já vinha procurando há alguns dias, mas só ontem conseguiu: "Já tinha mais de 15 dias procurando". A vacina protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra a bactéria da influenza tipo B.

* Sob a supervisão da jornalista Regina Bochicchio