Plantão

Seg, 01/06/2020 | Atualizado em: 01/06/2020 às 06h23


Plantão

Casal mete bala em um e acaba morto

Andrezza Moura
A+ A-

Uma tentativa de homicídio, na noite de sexta-feira (29), na Boca do Rio, terminou com um casal suspeito morto em confronto com a polícia, momentos depois do atentado.

Larissa de Jesus Fernandes, 21 anos, a Braba, e Daniel Dias Santos Pedreira, 20, morreram no Hospital Geral do Estado (HGE), após serem baleados em uma troca de tiros com policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto), da 39ª CIPM (Boca do Rio), e da 40ª CIPM (Nordeste de Amaralina), na Baixa Fria.

Segundo uma fonte policial, antes do embate, Braba, Daniel e, pelo menos mais dois homens, ainda não identificados, atiraram na direção de um grupo que bebia em um bar, na Rua Georgina.

Na ocasião, Gerônimo Damascena dos Santos, 33, morador do bairro, foi baleado duas vezes em um dos braços e levado por populares para uma unidade de saúde não informada. Ele passa bem e não corre risco de morte.

Testemunhas contaram à polícia que os criminosos chegaram ao local, por volta das 21h, num Renault branco, e, sem dizer nada, atiraram contra o grupo. Após a ação, eles roubaram uma Chevrolet S10 e fugiram.

Ainda conforme a fonte, durante as buscas, os PMs encontraram a caminhonete, que possui rastreio, abandonada em uma rua atrás do supermercado Extra, da Paralela, e foram informados de que os criminosos haviam corrido em direção à Baixa Fria.

Durante a incursão, os policiais encontraram o veículo Renault Sandero branco, placa OUY- 1423, usado no crime e com restrição de roubo, estacionado em uma das ruas da comunidade.